ARUANÃ: Mesmo com pandemia, Aruanã fica lotada de turistas e registra aglomerações às margens do Rio Araguaia

Várias embarcações e motos aquáticas foram vistas na região, apesar de um decreto municipal proibir o turismo em feriados. Moradores estão preocupados.

Apesar da pandemia do coronavírus, a cidade turística de Aruanã, a 314 km de Goiânia, registrou aglomeração em vários pontos no feriado prolongado. Moradores afirmam que a cidade está lotada de turistas. Muitos deles se concentram às margens do Rio Araguaia (veja o vídeo acima).

Imagens enviadas à TV Anhanguera mostram o grande movimento na cidade. Carros com som automotivo, na maioria levando barcos e motos aquáticas, foram vistos aos montes às margens do rio.

Os moradores ficaram preocupados. “A cidade parece que não está de quarentena. A cidade está lotada de gente, de turista”, disse.

Por causa da pandemia, Aruanã suspendeu aulas e eventos desde o final de março e, em 13 de abril, decretou estado de calamidade pública até o final do ano.

Porém, em novo decreto publicado em 21 de abril, foi liberada a abertura da rede hoteleira e o acesso e ingresso aos portos que dão acesso ao rio, pontuando que, “na ocorrência de aglomeração de turistas ou em virtude de feriados”, tais liberações seriam suspensas.

Também para evitar a disseminação do coronavírus, o governo estadual cancelou a tradicional temporada de férias do Araguaia, a partir do dia 1º de julho. Está proibido o uso coletivo de beiras de rio, cachoeiras e praias formadas no rio e seus afluentes.

FONTE: G1 GO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui