GDF reserva 20% das vagas de estágio em órgão público para negros

Todos os órgãos do âmbito da administração pública distrital terão que destinar o percentual

Fonte: Jornal de Brasília, William Matos

A partir de agora, no Distrito Federal, 20% das vagas de estágio no âmbito da administração pública distrital serão destinadas para negros e negras. O Governo do Distrito Federal (GDF) publicou, nesta quarta-feira (24), um decreto que determina a medida.

A reserva vai se aplicar quando o número de vagas for igual ou maior que três. Os órgãos terão que deixar explícito em edital quantas vagas estarão disponíveis para candidatos negros.

Poderão concorrer às vagas exclusivas aqueles que se autodeclararem pretos ou pardos. O critério usado é o quesito cor ou raça, da Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Negros e negras já tinham 20% das vagas em concursos públicos do GDF e do Poder Legislativo. A autora do projeto, a deputada distrital Arlete Sampaio (PT), falou à época que a lei era “um gesto de reparação histórica”.

Reprodução: BSB TIMES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui