Dia de São Bento: conheça a história por trás do santo da famosa “medalhinha”

MEDALHA DE SÃO BENTO

Dita a fé católica que por meio de uma oração de São Bento é possível quebrar qualquer tipo de feitiçaria ou falsas intenções daqueles que o desejam mal.

Comemorado no dia 11 de julho, data em que foi nomeado pela Igreja Católica, por meio do Papa Pio XII, como padroeiro da Europa, o divino pode ser considerado um exemplo de fé e determinação.

História

Bento nasceu na Núrsia (norte da Itália), de família rica, estudou em Roma, quando jovem. Segundo a história não se sentiu bem com a frivolidade da cidade acabando por procurar refúgio na espiritualidade.

Bento acreditava na libertação pelo conhecimento e manteve uma série de manuscritos com o intuito de educar aos mais pobres. Sua coleção virou uma biblioteca, considerada um dos maiores pontos culturais da Europa na Idade Média.

Conta-se que sofreu duas tentativas de assassinato: na primeira, lhe ofereceram um pão envenenado, salvo por um corvo faminto. Na segunda deram vinho envenenado para ele tomar. Antes de beber, Bento fez o sinal da cruz e disse: “Afasta-te de mim, satanás. Leve de volta o teu veneno”. Então, o cálice se quebrou.

 

A Medalha de São Bento

É comum entre católicos, e representa sua fé na proteção divina. Toda escrita em latim, o artefato tem uma cruz que se encontra as iniciais C S S M L, que significa “A cruz sagrada seja minha luz”, e N D S M D, que é “Não seja o dragão meu guia”. Em volta da cruz estão as letras C S P B, ou seja, “Cruz do Santo Padre Bento”. Ao topo dela está a palavra Pax, que significa “paz”. Formando um círculo em volta do símbolo estão as letras V R S N S M V que significa “Retira-se, Satanás, nunca me aconselhes coisas vãs” e também as letras S M Q L I V B, que é “É mau o que me ofereces, bebe tu mesmo os teus venenos”.

Foi entronado como “Padroeiro da Europa” e seu dia é comemorado todo 11 de julho.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui