CNN ameaça Globo entre os canais de jornalismo

CNN ameaça Globo entre os canais de jornalismo. Foto: divulgação

A poucos meses no ar a emissora já domina amplamente entre telespectadores das classes A e B.

É o que diz pesquisa IBOPE para São Paulo divulgada nesta semana. Segundo o instituo de pesquisas 84% da audiência da emissora é formada pelo público mais rico (classes A e B) – não é preciso dizer que este é o público preferencial do mercado publicitário. Neste quesito a GloboNews aparece apenas em quarto lugar.

Dentre os canais pagos fica em 2º lugar, com também 84%, apenas 1 ponto do veterano History2 (que é um canal de entrada ofertado em todos os pacotes básicos das distribuidoras).

A emissora ainda cavou 14% de audiência entre a classe C e 2% dentre a D e E.

Seguindo essa tendência deve começar a “engolir” uma grande fatia dos anúncios, o que ameaça a hegemonia geral da Globo, uma vez que são os anúncios que “subsidiam” sua ampla veiculação dentre os mais pobres.

Mudanças estruturais no horizonte.

Com informações do IBOPE, Hélio Rosa para o BSB TIMES.

Helio Rosa, planaltinense, 50 anos, casado, pai de três filhos, graduado em ciências naturais e gestão pública. Jornalista e especialista em Administração Pública e Gerência de Cidades. Fez Agenda 21 e Coleta Seletiva. Foi Conselheiro do CONAM-DF e do CBH-Paranaiba. Está como Presidente do Conselho de Desenvolvimento Nacional - CDN. Ministra cursos de empreendedorismo, terceiro setor, trabalho remoto, economias circular, criativa e compartilhada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui