Anel Viário de Aparecida de Goiânia é inaugurado por Caiado e Governo Federal

Inauguração do Anel Viário feito pelo Ministro e Caiado | Foto: Divulgação

Caiado e o ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, entregaram, nesta segunda-feira (28), as obras de restauração e adequação do Anel Viário de Aparecida de Goiânia, no trecho que liga as rodovias BR-060 e BR-153

A obra concluída no anel viário foi entregue com dois meses de antecedência. Os investimentos superam R$ 27,9 milhões. O empreendimento, executado pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), inclui 16,9 quilômetros de pista duplicada, adequação dos retornos existentes e implantação de barreiras de proteção em pontos estratégicos da via, que vão coibir o tráfego de veículos em locais inadequados.

O ministro e o governador ressaltaram a parceria com os deputados e senadores na concretização de benfeitorias para Goiás. “Parcerias são fundamentais. Todos parlamentares que compõem o grupo de 17 deputados federais e três senadores da República que atendem às reivindicações, com emendas, não apenas em pavimentações novas, mas para recuperação de rodovias”, afirmou Caiado, que reconheceu ainda o apoio dos deputados estaduais.

Obras

O ministro Tarcísio de Freitas garantiu que no próximo ano, a Ferrovia Norte-Sul estará totalmente em funcionamento, já que as obras estão bem encaminhadas. Ele citou a construção do terminal de Rio Verde, onde há investimentos de R$ 300 milhões. “Temos ainda a ponte sobre o Rio Grande, que já foi concluída, estamos fazendo a ponte ferroviária sobre o Rio Paranaíba”, apontou. “Então, ano que vem, teremos a Ferrovia Norte-Sul operacional, vamos poder sair do Mato Grosso e chegar até o porto de Ilhéus passando aqui pelo estado de Goiás”, projetou.

Entre as obras federais previstas em Goiás, o ministro listou ainda projetos prioritários do governo federal como a duplicação da BR-153, de Goiás ao Tocantins, e também a concessão da BR-060, BR-364 e BR-452. “Nessa concessão a gente vai dar a solução para um dos problemas mais graves do estado, do ponto de vista viário, que é o contorno de Goiânia”, explicou.

BSB TIMES [Diário do Goiás]

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui