Advogado Marco Vicenzo questiona reeleição na CLDF: “Por que na Câmara Federal não pode e na CLDF pode?”

O Advogado de Brasília falou com o BSB Times a pouco sobre a modificação na legislação que permitiu a recondução da presidência da CLDF.

Por Hélio Rosa

No inicio do ano o advogado Marco Vicenzo ganhou liminar contra a CLDF ao questionar os planos de saúde vitalícios dos Deputados e ex-Deputados. Agora ele se mostra indignado com a reeleição da mesa diretora da CLDF.

 “Não tenho nada contra o Prudente, até acho um bom parlamentar, mas não podemos ter dois pesos e duas medidas”, afirmou o advogado.

A declaração diz respeito a partidos que no âmbito federal  foram contra a reeleição das mesas diretoras da Câmara dos Deputados e Senado, porém no DF se posicionam a favor da recondução de Prudente.

Leia também:

Crédito na máquina de cartão: micro e pequenos empresários podem pedir até R$50mil a juros de 0,48% com 6 meses de carência

Vicenzo ainda elogia o trabalho do colega advogado que levou a cabo a ação que impediu a recondução de Maia e Alcolumbre no STF: “O Dr. Luiz Gustavo (PTB) fez um excelente trabalho em uma luta colossal para garantir a democracia na Câmara e a alternância democrática de poder, mas aqui no DF estamos vendo um desrespeito a essa regra”.

Ele avalia a possibilidade de entrar com uma ação pedindo a suspensão dos efeitos da votação, mas se diz cético diante do cenário político do DF: “temos uma Câmara apática, não estou falando em oposição ao Governador Ibaneis, estou falando de enfrentamento político, do debate, que não existe mais em nossa CLDF”.

Nesse sentido Vicenzo, que, vale lembrar, já foi vitorioso em uma ação contra a CLDF, ainda decidirá se é válido ou não impetrar nova ação.

Contudo ele enfatiza que o Ministério Público também avalia a situação: “confio muito no trabalho do Ministério Público, com certeza já está de olho nessa situação”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui