Anos 80, a década que agitou a vida de muita gente

A maioria das pessoas sabe que os anos 80 foi uma das décadas mais emocionantes para aqueles com mais de 30 anos, momentos marcantes que o mundo todo acompanhou nos noticiários dos principais canais de comunicação, com vários fatos que entraram para a história, entre eles acontecimentos políticos e sociais, exemplo: a guerra Irã-Iraque que decorreu entre 1980 e 1988, que o mundo todo acompanhou nos noticiários dos principais canais de televisão, até os movimentos musicais que debochavam da censura e da ditadura militar brasileira. E se tratando do mercado musical, sem dúvida um dos mais representativos.

Politica e o mundo nos anos 80

Enquanto o mundo vivia esse cenário caótico, no Brasil surgiam muitas bandas que agitavam as emoções dos jovens com músicas que falavam de liberdade e socialismo, entre as mais populares estavam: Legião Urbana com Que país é esse, Capital Inicial com Veraneio Vascaína, Titãs com Cabeça Dinossauro e em meio a essa revolta toda, surgia uma banda totalmente na contramão, com uma proposta reversa, que pregava o amor e o romantismo, essa banda era o Roupa Nova com a música Canção de Verão. A música foi faixa do primeiro LP da banda. Uma composição de Thomas Roth e Luís Guedes, cantada por um dos vocalistas da banda, Paulinho (falecido em Dezembro de 2020). Um grande sucesso naquela época e até hoje muitos artistas regravam esse hit.

Portanto, podemos assim dizer que: Canção de Verão representa muito bem uma época de fortes emoções.

As bandas em destaque nos anos 80

A década de 80 inicia-se com a volta de John Lennon aos estúdios de gravação. O álbum Double Fantasy é considerado um dos melhores de sua carreira. Canções de sucesso como Woman e (Just Like) Starting Over devolvem o líder e fundador dos Beatles às paradas de sucesso após 5 anos sem lançar discos. Mas na noite de 8 de dezembro de 1980, ao voltar das sessões de gravação do seu próximo álbum, Lennon era esperado à entrada de sua residência no Edifício Dakota, em Nova York, por Mark David Chapman, um dos incontáveis fãs que sempre estavam de prontidão esperando por ele. Apenas algumas horas antes, Lennon havia autografado a capa do LP Double Fantasy para Chapman. Ao chegar à entrada do prédio, Lennon foi alvejado com cinco tiros, dados pelas costas, por Chapman, que dizia querer roubar a fama do ídolo. Lennon morreu na traseira de um carro de polícia alguns minutos depois, aos 40 anos de idade.

John Lennon

Os anos 80 são conhecidos também como a década da música eletrônica e da moda colorida e futurista. Nesta época, a new wave e o synth-pop se tornaram gêneros musicais mais populares, assim como toda a estrutura da dance music. A new wave e o synth-pop foram desenvolvidos por muitos artistas britânicos e americanos e se tornaram fenômenos populares ao longo da década. Entre as bandas de sucesso na época expoentes destes gêneros estavam Alphaville, Depeche Mode, A-ha, Blondie, Tears for Fears, Duran Duran e os Pet Shop Boys.

Surge a MTV e o hip hop; o advento da música eletrônica nas pistas de dança e as primeiras raves. No underground é criado o rótulo “música industrial” para bandas eletrônicas mais experimentais e obscuras, além de diversas bandas de rock de garagem que dariam origem ao grunge na década de 1990.

MTV

Michael Jackson foi definitivamente o maior ícone da década de 1980. Com imagem e estilos marcados por suas jaquetas de couro, luva, e o passo Moonwalk, fora muitas vezes imitado. Seu famoso álbum de 1982, Thriller, tornou-se o mais comercializado de todos os tempos, com vendas estimadas entre 65 a 110 milhões de cópias em todo o mundo.

Michael Jackson

Madonna foi a maior estrela e símbolo feminino dos anos 80, com os primeiros anos da carreira marcados por controvérsias e aplicações de tendências ao mainstream, que partiam desde a sonoridade dançante de suas músicas à moda, com seus marcantes crucifixos, luvas sem dedo e cabelos alvoraçados de raízes escuras. Foi a cantora que mais vendeu álbuns e singles durante a década, acumulando até a época um total de 70 milhões de discos vendidos e uma enorme quantidade de sucessos que tornaram-se atemporais.

Madonna

Cyndi Lauper também foi um ícone dos anos 80, com seu estilo pop-rock, também no seguimento de mainstream, usando roupas estravagantes e coloridas, cabelos coloridos com cortes fora dos padrões e ainda com muita irreverência, era conhecida como o patinho feio do pop-rock, porém, com uma voz que atingia notas altíssimas. (Eu particularmente sou fã “de carteirinha” e tenho muitas influências nela em minha profissão de DJ).  Por algum tempo, era conhecida também como a “rival” de Madonna.

Cyndi Lauper

O heavy metal recebeu inúmeras vertentes ainda mais rápidas e pesadas, como o thrash metal, speed metal e o black metal. Alguns exemplos que se consagram na década neste gênero do rock foram as bandas Iron Maiden e Judas Priest, os grupos Metallica, Slayer, Megadeth e Anthrax, no thrash metal. Conservando as raízes do hard rock, também merecem destaque os longos períodos de sucesso que tiveram as bandas Bon Jovi, Van Halen, AC/DC, Guns N’ Roses, Def Leppard, Whitesnake e Scorpions.

Anos 80 e os discos em vinil

Outras inúmeras bandas de rock e pop surgiram nos anos 80: A-ha, U2, The Police, Duran Duran. Algumas, surgidas em meados dos anos 70, só se consolidaram na década de 80.

Fonte: terra.com.br – Wikipedia

Foto: Pixabay / DINO e Google imagens

Talvez interesse

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui