FMI revisa para cima previsão de crescimento do Brasil em 2021

Previsão do Fundo eleva perspectivas pra o Brasil em quase 1%

Por Hélio Rosa para o BSB Times*

O Fundo Monetário Internacional (FMI) atualizou nesta terça-feira (26) suas previsões econômicas mundiais para 2021 e 2022. Para o Fundo as campanhas de vacinação em massa e os planos de estímulo lançados por vários países apontam para um cenário mais otimista.

Segundo os economistas do FMI o mundo deve crescer 5,5% já em 2021, 0,3% a mais do que a última estimativa, feita em outubro.

Pelos cálculos as duas maiores economias do mundo devem ter crescimento ainda mais acelerado, com o PIB dos Estados Unidos previsto para uma expansão de 5,5% e a China com um crescimento de 8,1% este ano.

Um indicador importante dessa tendência positiva é o crescimento de 8% este ano no volume do comércio global. Em 2022, a expansão das trocas comerciais será de 6%.

Brasil

Segundo o relatório, como fruto dos programas de reinvestimento e a expansão do comércio global, somadas a reativação da economia local por conta da perspectiva da imunização em massa farão a economia brasileira crescerá 3,6% em 2021, quase 1% a mais (+0,8%) que o previsto em outubro passado.

Europa

Já para o Velho continente a situação é difenrete, fortemente atingida pelos impactos da pandemia, a projeção para a Zona do Euro recou 1,0%, e a região deve crescer 4,2% este ano.

Pobreza

Como cicatriz da crise global o Fundo destacou que haverá um retrocesso no combate à pobreza das últimas duas décadas, com cerca de 90 milhões de pessoas podendo cair na pobreza extrema entre 2020 e 2021.

*Com informações do portal Leitura de Bordo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui