Ministério da Saúde distribui mais 2,9 milhões de doses da CoronaVac

Vacinação dos profissionais de saúde, veterinários e agentes funerários com 60 anos ou mais de idade, que estam na ativa, na Clínica da Família Estácio de Sá, na região central da cidade. O município do Rio de Janeiro ampliou hoje (27) o público-alvo da campanha de vacinação contra a covid-19.

Repasse deve ser concluído segunda-feira (8)

Por Agência Brasil – Brasília

O Ministério da Saúde informou hoje (6) que iniciou a distribuição aos estados e ao Distrito Federal de mais 2,9 milhões de doses da vacina CoronaVac contra a covid-19, fornecidas pelo Instituto Butantan.

Segundo a pasta, a previsão é que a distribuição dessas doses seja concluída na segunda-feira (8). Toda a logística de transporte é feita por aviões. Uma vez nos estados, cabe aos governos estaduais providenciarem a distribuição aos municípios, com o auxílio do Ministério da Defesa.

Conforme nota técnica do Ministério da Saúde, a divisão das doses entre as unidades da Federação é feita, neste momento, de modo proporcional à população dos grupos prioritários para esta primeira fase de vacinação.

Neste momento, os grupos prioritários são: idosos acima de 90 anos, indígenas que vivem em terras demarcadas, profissionais de saúde que atuam no combate à pandemia e pessoas com deficiência que vivem em instituições de longa permanência.

Rogério Cirino de Sá Ribeiro, goiano, 51 anos, casado, três filhos. Bacharel em Administração de Empresas pela UNIPLAC. Licenciado em História pela UPIS e MBA em Gestão de Projetos pela ESAD. Empresário do audiovisual desde 2012.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui