Ferrari não consegue recuperar caixa de câmbio e Lelcerc fica fora do GP de Mônaco

Leclerc tem problema na caixa de câmbio e fica fora do GP de Mônaco da F1

Matéria F1 Mania

Charles Leclerc não teve tempo de comemorar antes do GP de Mônaco na F1. Neste domingo (23), após a Ferrari ter descartado uma troca na caixa de câmbio para a prova, o monegasco teve problemas no componente e e não vai disputar a corrida caseira nas ruas em Monte Carlo.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por FORMULA 1® (@f1)

Na classificação do sábado, o monegasco estava com a pole-position provisória. Quando vinha na segunda tentativa de volta rápida, acabou batendo com força na curva da Piscina, danificando o SF21. Apesar do susto, o piloto nada sofreu e ficou com a posição de honra do grid.

A preocupação passou a serem os problemas que o carro poderia apresentar e a extensão dos danos. Após uma primeira análise da Ferrari, nenhum problema foi visto na caixa de câmbio, mas o time italiano deixou para decidir sobre uma troca na manhã do domingo.

Então, horas antes da prova, a escuderia de Maranello fez uma análise mais aprofundada no componente e concluiu que não precisaria fazer nenhuma mudança, mantendo a pole-position do monegasco na corrida caseira.

Mas a alegria durou pouco para Leclerc. Quando estava indo para a volta de instalação em direção ao grid, o piloto relatou no rádio que tinha danos na caixa de câmbio, sendo levado imediatamente aos boxes para tentar reverter a situação. “Temos um problema, não vamos ao grid. Vamos tentar resolver aqui, não vamos ao grid”, disse a equipe.

Entretanto, após tentar resolver a questão, veio a confirmação oficial: Leclerc não corre a prova deste domingo.  A explicação oficial foi um problema no eixo esquerdo do motor. No grid de largada, a posição da pole-position vai ficar vazia, com os pilotos mantendo os postos nas demais colocações.

Rogério Cirino de Sá Ribeiro, goiano, 51 anos, casado, três filhos. Bacharel em Administração de Empresas pela UNIPLAC. Licenciado em História pela UPIS e MBA em Gestão de Projetos pela ESAD. Empresário do audiovisual desde 2012.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui