Subsecretário de Saúde não comparece à reunião da Comissão da Vacina

Representantes da Pasta afirmaram que o soro fisiológico para diluir a vacina da Pfizer, que estava em falta, já foi reposto pelo Ministério da Saúde. Com a chegada de novas doses, o DF conta com 13.900 doses da vacina deste laboratório

Por Marco Túlio Alencar – Agência CLDF

O subsecretário de Vigilância à Saúde do Distrito Federal, Divino Valero Martins, que era aguardado pela Comissão Especial da Vacina da Câmara Legislativa na tarde desta quinta-feira (27), não compareceu à reunião para prestar esclarecimentos sobre o planejamento da vacinação. Segundo a justificativa, o gestor teria sido chamado pelo Ministério da Saúde. Os parlamentares presentes ao encontro realizado por videoconferência lamentaram a ausência do convidado.

“A ideia era ouvir alguém que responde politicamente sobre as questões da imunização”, observou o deputado Fábio Felix (Psol), presidente da comissão, acompanhado pelo deputado João Cardoso (Avante), titular, e a deputada Arlete Sampaio (PT), que é suplente do colegiado. Diante da situação, os deputados resolveram “conversar” com técnicos da subsecretaria, que relataram procedimentos da pasta que têm seguido as normas do Plano Nacional de Imunização.

Eles responderam algumas questões apresentadas pelos deputados e informaram, por exemplo, que as vacinas da Pfizer que estavam estocadas começarão a ser distribuídas: o soro fisiológico usado como diluente do fármaco, que estava em falta, já foi reposto pelo ministério. Com a chegada de novas doses, o DF conta com 13.900 doses da vacina deste laboratório.

Ao final, os parlamentares agradeceram os esclarecimentos, mas sentiram falta de respostas da Secretaria da Saúde que pudessem ter um maior alcance. “Quais respostas o GDF dará mais à frente?”, exemplificou Fábio Felix, referindo-se ao ritmo da vacinação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui