Exército não pune Pazuello por participação em ato político

Nesta quinta (3), o Comando do Exército não sofrerá punição por ter participado de ato com Bolsonaro no Rio de Janeiro

O Comandante do Exército analisou e acolheu os argumentos apresentados por escrito e sustentado oralmente pelo oficial-general.

“Desta forma, não restou caracterizada a prática de transgressão disciplinar por parte do general Pazuello. Em consequência, arquivou-se o procedimento administrativo que havia sido instaurado”, diz a nota oficial.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui