Caiado irá homenagear policiais que participaram da captura de Lázaro

O governador Ronaldo Caiado (DEM) irá homenagear os profissionais das forças de segurança pública que participaram da operação de busca e captura do fugitivo Lázaro Barbosa. O evento acontecerá durante a inauguração da reforma do quartel do COmando de Missões Especiais (CME) da Polícia Militar, nesta quinta-feira (1º/07).

A caçada a Lázaro durou 20 dias e culminou na última segunda-feira (28/06) com a captura seguida da morte do criminoso, suspeito de um quádruplo latrocínio em Ceilândia, além de uma série de outros crimes.

Entenda o caso

Lázaro Barbosa Sousa era suspeito de cometer, de acordo com a Secretaria de Segurança Pública de Goiás (SSP-GO), um quádruplo latrocínio em Ceilândia no DF e um quinto em Goiás, considerado de alta periculosidade.

Conforme informações divulgadas pela polícia, Lázaro invadiu chácaras e atirou em quatro pessoas, além dos policiais, durante os dias de fuga. Antes de se esconder na região de Edilândia (GO), furtou um veículo, no último dia 13, no qual abandonou na rodovia GO-070.

No último dia 9, em Ceilândia (DF), Lázaro teria invadido uma residência familiar e assassinado Cláudio Vidal, de 48 anos, Gustavo Vidal, de 21, e Carlos Eduardo Vidal, de 15 anos. O corpo da mulher do empresário e mãe das demais vítimas, Cleonice Marques de Andrade, de 43 anos, foi encontrado no sábado (12), em uma mata próxima à casa da família.

O indivíduo é investigado ainda por balear outras três pessoas, na mesma data (12/06), em Cocalzinho de Goiás e possui um histórico de crimes registrados anteriormente no Distrito Federal e interior da Bahia.

A operação contou com mais de 250 agentes policiais de diversas forças de segurança do Estado de Goiás e do Distrito Federal.

Domingos Ketelbey, Diário de Goiás

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui