Audiência pública discute sistema viário entre Samambaia e Taguatinga

O crescimento das cidades aumentou o fluxo de veículos na região e preocupa as administrações regionais 

Samambaia e Taguatinga ocupam, respectivamente, as posições de segunda e terceira cidades mais populosas do Distrito Federal. Além disso, Samambaia é considerada atualmente o segundo polo mais importante para a construção civil no DF.

O trânsito tem sido o setor que mais sofre impacto com o crescimento populacional na região. Pensando em buscar alternativas para solucionar este problema, a Administração Regional de Samambaia realizou audiência pública para discutir possíveis melhorias para o sistema viário entre as duas cidades.

Durante a audiência pública, a população teve direito a apresentar suas sugestões e discutir projeto da Secretaria de Obras| Foto: AR Samambaia

Nesta terça (9), durante a reunião no Ginásio de Esportes do Instituto Federal de Brasília (IFB), engenheiros da Secretaria de Obras apresentaram para a população que reside em Samambaia e Taguatinga projeto elaborado para o setor, que prevê readequação do trânsito e ampliação da via Boca da Mata, que liga as duas cidades.

“Quero muito ver essas melhorias, o trânsito está muito carregado. Nossa cidade está cada dia maior, então está na hora de investir muito aqui”Francesly da Conceição Leite, moradora de SamambaiaO encontro contou com representantes da Secretaria de Obras e a mediação dos administradores regionais de Samambaia e de Taguatinga, Gustavo Aires e Bispo Renato, além do deputado distrital Reginaldo Veras e o diretor-geral do IFB Campus Samambaia, Paulo Henrique Silva.

Encaminhamentos

Durante a audiência, a população teve direito a apresentar suas sugestões e discutir o projeto. Tudo foi registrado em ata para que a proposta possa passar por adequações. “A preocupação do governo é uma só, garantir o bem-estar da população do Distrito Federal como um todo. Então, hoje celebro esse momento democrático e tão importante para os moradores de Samambaia e Taguatinga”, comemorou o administrador de Samambaia, Gustavo Aires.

Francesly da Conceição Leite reside em Samambaia há 32 anos, veio para a cidade com 21 anos, e conta que vai continuar acompanhando todo o processo: “Quero muito ver essas melhorias, o trânsito está muito carregado. Nossa cidade está cada dia maior, então está na hora de investir muito aqui”.

Renata Lu, Agência Brasília

Helio Rosa, planaltinense, 50 anos, casado, pai de três filhos, graduado em ciências naturais e gestão pública. Jornalista e especialista em Administração Pública e Gerência de Cidades. Fez Agenda 21 e Coleta Seletiva. Foi Conselheiro do CONAM-DF e do CBH-Paranaiba. Está como Presidente do Conselho de Desenvolvimento Nacional - CDN. Ministra cursos de empreendedorismo, terceiro setor, trabalho remoto, economias circular, criativa e compartilhada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui