Comércio em busca de profissionais para contratação

Das 252 vagas de emprego abertas nas agências do trabalhador, pouco mais de 31% são para atendentes, açougueiro e vendedores

Seja para dirigir ou consertar automóveis, quem tiver interesse em atuar com veículos tem 24 oportunidades para ser contratado em uma das seis profissões oferecidas na lista de vagas das agências do trabalhador do Distrito Federal, nesta sexta-feira (4). São procurados alinhador de pneus e rodas, lanterneiro, mecânico, montador, motorista e pintor de veículos. Os salários variam entre R$ 1.212 e R$ 2,5 mil, mais benefícios.

O comércio é outra área em que as contratações estão em alta. São 34 oportunidades para açougueiro, 31 para vendedores, 14 para atendente de lanchonete, oito para consultor de vendas, seis para balconista e duas para gerente comercial. A maioria não exige candidatos com experiência. As remunerações variam entre R$ 1.212 e R$ 2 mil, mais benefícios.

Pessoas com deficiência que estão em busca de colocação no mercado de trabalho também têm vez nas agências. São 51 oportunidades para frentista, atendente e serralheiro. Nenhuma exige candidatos com experiência profissional e a preferência é para aqueles com nível médio de escolaridade. Os salários são de R$ 1.232,97, R$ 1.212 e R$ 2 mil, mais benefícios.

Ao todo, são 252 vagas abertas. Para se candidatar, os interessados contam com duas possibilidades: cadastrar o currículo pelo aplicativo Sine Fácil ou ir pessoalmente a uma das 14 agências do trabalhador, abertas de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Mesmo que nenhuma das vagas do dia seja atraente ao candidato, ele pode se cadastrar para oportunidades futuras, já que o sistema cruza dados dos concorrentes com o perfil que as empresas procuram.

Contratações

Além de atender os trabalhadores, as agências têm canal aberto para empreendedores que desejam buscar profissionais. Além do cadastro de vagas, é possível usar os espaços físicos para seleção dos candidatos encaminhados. Para isso, basta acessar o site da Secretaria do Trabalho.

A secretaria também disponibiliza o número de telefone para atendimento em caso de dúvidas referentes a qualquer um dos serviços prestados pela pasta, responsável pelas agências do trabalhador: (61) 99209-1135.

FONTE: AGENCIA BRASILIA

Rogério Cirino de Sá Ribeiro, goiano, 51 anos, casado, três filhos. Bacharel em Administração de Empresas pela UNIPLAC. Licenciado em História pela UPIS e MBA em Gestão de Projetos pela ESAD. Empresário do audiovisual desde 2012.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui