Movimento Brasília Viva comemora o dia mundial do Tai Chi

Evento ocorrerá no dia 30 de abril, às 9 horas, no interior da quadra 113 Sul

A celebração do dia do Tai Chi Chuan é parte de uma interação mundial de prática e difusão da arte chinesa. Serão grupos em diversos pontos, em Brasília, no Brasil e mundo afora, emitindo energias e vibrações positivas por meio da prática do Tai Chi, inclusive na quadra 113 Sul da capital federal, dia 30 de abril, às 9 horas.

O Tai Chi Chuan foi praticado como luta e treinamento de defesa por tempos na China, até ser difundido pelo mundo e transformado em uma arte voltada para a busca de equilíbrio: físico, mental e energético, além de técnica de respiração adequada e de meditação, especialmente a modalidade Yang.

Em Brasília, o mestre Woo, Moo Shong Woo, médico e professor, introduziu a prática do Tai Chi nos anos 1970, e sempre esteve a frente, presencial ou por meio dos seus multiplicadores, dos encontros na entrequadra 104/105 da Asa Norte, denominada Praça da Harmonia Universal – PHU. Foram anos de ensinamentos e transmissão dos valores em torno do Tai Chi Chuan. O mestre Woo ainda é referência e o grande mestre de todos envolvidos com o Tai Chi no Distrito Federal. Ele formou inúmeros discípulos, praticantes e apaixonados pela arte chinesa.

O Movimento Brasília Viva Tai Chi foi criado, durante a pandemia da COVID-19 e como apoio e enfrentamento às sequelas do isolamento das pessoas neste período, a partir dos ensinamentos do mestre Woo, que sempre desejou a expansão da prática e dos valores do Tai Chi no Planalto Central e no Brasil. Normalmente, as mulheres, que vivem mais, são as maiores praticantes de Tai Chi em Brasília, mas os homens estão sendo convidados a mudar essa realidade, a investirem mais nos seus equilíbrios: mentais, corporais e energéticos.

Os instrutores Ana Luíza Varela e Antônio Pereira, discípulos do mestre Woo, estão na coordenação do Movimento Brasília Viva Tai Chi e conduzem práticas, com a participação de outros instrutores e associações, em alguns pontos da cidade, além de outros locais por meio de convites pontuais: todos os dias, às 8 horas, na entrequadra 104/105 da Asa Norte; às quartas-feiras, 8 horas, na quadra 313 da Asa Norte; na quadra 308 da Asa Norte às quintas-feiras, 8 horas e no interior da quadra 113 Sul aos sábados, 9 horas.

O encontro de comemoração ao dia mundial do Tai Chi na 113 Sul terá, além da condução de práticas e de movimentos comuns em diversas partes do mundo, um café da manhã colaborativo e a arrecadação de alimentos não perecíveis para doação a ONG Pachamama. O convite é tanto para os que já praticam o Tai Chi como para quem deseja conhecer e iniciar-se na arte do equilíbrio corporal, mental e energético, por meio de exercícios físicos, respiração adequada, relaxamento e meditação.

Contatos:

Ana Luíza Varela (61) 99632-9815

Antônio Pereira (61) 98472-8488

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui