Arruda visita saída norte e pede apoio à esposa

Movimentações de Arruda também geram expectativas em decisão de ministro evangélico do STF

O jogo de xadrez só dá resultado quando se movimenta as pedras do tabuleiro, não dá para ficar no ostracismo, e Arruda sabe muito bem disso e marca território com seu protagonismo político hoje (07), na saída norte do DF, seguindo para uma agenda intensa.

A estratégia do ex-governador José Roberto Arruda é movimentar o seguimento evangélico pelo Republicanos e voltar a ter os seus direitos políticos garantidos, uma vez que já possui apoio do Presidente Nacional do PL, Valdemar Costa Neto.

Isso pode influenciar em decisão do ministro do STF, indicado por Bolsonaro, o “terrivelmente evangélico” André Mendonça, para que transfira o processo da Caixa de Pandora da justiça comum para a justiça eleitoral, uma vez que Arruda era governador naquela ocasião.

Com certeza, o ex-governador do DF quer criar uma oportunidade de palanque nato do PL à reeleição de Bolsonaro (PL), como também pode garantir uma vaga ao Senado para uma grande frente evangélica do Republicanos que quer a ex-ministra Damares Alves.

Arruda como governador pode fortalecer a representação do seu partido no Congresso Nacional, pois com essa engenharia política terá a capacidade de eleger até três deputados federais do PL e a única vaga no DF do Senado para o Republicanos e, ainda, atender o PP, emplacando o empresário Fernando Marques (PP) como primeiro suplente de Damares e o vice-governador do PP.

Assim, a aliança PL-PP-Republicanos de apoio à reeleição do presidente Bolsonaro sairá fortalecida no Distrito Federal.

Helio Rosa, planaltinense, 50 anos, casado, pai de três filhos, graduado em ciências naturais e gestão pública. Jornalista e especialista em Administração Pública e Gerência de Cidades. Fez Agenda 21 e Coleta Seletiva. Foi Conselheiro do CONAM-DF e do CBH-Paranaiba. Está como Presidente do Conselho de Desenvolvimento Nacional - CDN. Ministra cursos de empreendedorismo, terceiro setor, trabalho remoto, economias circular, criativa e compartilhada.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui