Em lançamento da Agenda Legislativa da Indústria, presidente da CLDF reafirma compromisso com o setor

Publicação chega a sua vigésima edição no ano em que Fibra completa seu cinquentenário

Agência CLDF

20ª edição da Agenda Legislativa da Indústria do Distrito Federal foi lançada nesta terça-feira (17) pela Federação das Indústrias do DF (Fibra). A publicação foi entregue, em mãos, ao presidente do Legislativo local, deputado Rafael Prudente (MDB), e enviada aos gabinetes de todos os distritais. Editada anualmente desde 2003, a Agenda de 2022 contém 22 proposições legislativas organizadas em seis temas: Assuntos Econômicos, Política Tributária e Fiscal, Administração Pública, Política Urbana e Meio Ambiente, Assuntos de Relação do Trabalho e Assuntos Sociais. As propostas representam o posicionamento do setor, de acordo com os sindicatos que integram a Fibra.

“Fico muito feliz com o lançamento, mais uma vez, desse caderno com sugestões legislativas. Temos trabalhado, ao longo dos últimos anos, para cumprir a Agenda, para valorizar os empresários, gerar renda e receita para o DF”, disse Prudente. O distrital ainda completou: “Digo a todo o setor produtivo e aos integrantes da Fibra que cumpriremos, mais uma vez, as propostas”.

Jamal Bittar, presidente da Fibra – entidade que comemora seu cinquentenário este ano – destacou a importância do diálogo “aberto, transparente e muito produtivo” com a Câmara Legislativa.

“A grande alavanca do desenvolvimento dos países desenvolvidos é a indústria; e a Fibra trabalha para, em parceria com o Legislativo e com o Executivo, construir um ambiente que atraia cada vez mais investimentos do setor industrial”, afirmou Bittar. De acordo com ele, para cada real investido na industrialização, o retorno é de 70% a 100% em comparação com outros setores.

Fibra: 50 anos

Fundada em 1972 por seis sindicatos industriais, a Federação completa cinco décadas de trabalho pelo desenvolvimento industrial do Distrito Federal. Atualmente, congrega dez sindicatos e representa o setor que, segundo dados de 2019 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e da Companhia de Planejamento do DF (Codeplan), emprega mais de 86 mil trabalhadores, tendo representado R$ 9,5 bilhões do Produto Interno Bruto (PIB) industrial do DF naquele ano.

Helio Rosa, planaltinense, 50 anos, casado, pai de três filhos, graduado em ciências naturais e gestão pública. Jornalista e especialista em Administração Pública e Gerência de Cidades. Fez Agenda 21 e Coleta Seletiva. Foi Conselheiro do CONAM-DF e do CBH-Paranaiba. Está como Presidente do Conselho de Desenvolvimento Nacional - CDN. Ministra cursos de empreendedorismo, terceiro setor, trabalho remoto, economias circular, criativa e compartilhada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui