Paulão da Estrutural, idealizador do projeto Tijolo Solidário, fala sobre Ibaneis e a habitação

NOTA PÚBLICA 

“O governador Ibaneis investe nas pautas sociais, dentre elas a habitação que, sem dúvida, é de extrema importância para o cidadão.

O governador anunciou uma reviravolta na política habitacional do Distrito Federal, um modelo diferente, só visto na era Roriz, que para muitos, foi o melhor governador de Brasília.

Ainda mais para aquele que é considerado de baixa renda que vê o sonho da casa própria cada vez mais próximo, através do governo Ibaneis.

A nossa proposta é que o governador entregue o lote mais a infraestrutura para os contemplados, através de associações e cooperativas habitacionais.

Seria uma cartada de mestre do governador para ajudar na produção de tijolos ecológicos, organizar os próprios contemplados para participarem da produção dos tijolos e a construção das obras de suas próprias casas.

Esse modelo de mutirão e produção de tijolo ecológico feito com restos de construção civil já é feito pelo Instituto Mover da Vida (IMV) com o projeto Tijolo Solidário na Cidade Estrutural, basta apenas fortalecer a parceria feita pelo Termo de Cooperação Técnica do GDF e o IMV.

A matéria prima utilizada fica no antigo lixão da Estrutural, cidade onde foi originado o projeto que pretende atender o Assentamento Santa Luzia localizado na SCIA Estrutural, bem como atender as demais regiões administrativas que possuem setores com o mesmo perfil de vulnerabilidade.

Os últimos anúncios feitos por Ibaneis foram muito otimistas. No último dia 23 de maio, o governador falou em construir futuras 20 mil unidades habitacionais, através do Programa Morar Bem e lotes para cooperativas que atuam com moradias populares.

Outro público que está sendo contemplado, são as pessoas com necessidades especiais, segundo informações inicialmente serão 400 lotes distribuídos.

São duas oportunidades para selarmos esta parceria e minimizarmos os sofrimentos dos mais vulneráveis, realizando os sonhos de realmente morar bem”.

Paulão da Estrutural, idealizador do projeto Tijolo Solidário

Paulão da Estrutural recebe visita do governador Ibaneis Rocha no Galpão do Tijolo Solidário.

O que é o projeto Tijolo Solidário?

O projeto Tijolo Solidário visa fabricar tijolos ecológicos, bloquetes, meios fios e vários artefatos, todos ecologicamente corretos para construção de moradias populares e retorno às empresas da construção civil, através da Logística Reversa.

Dessa forma, a Capital da República fará a inclusão das famílias contempladas, mulheres e cidadãos excluídos da sociedade, que é o caso de ex-catadores que não foram contemplados no Centro de Triagem inaugurado recentemente na Cidade do Automóvel com o fim do lixão, de acordo com o Marco Regulatório de Saneamento Básico, Lei 14.026/2020.

Nesse contexto, as parcerias estão a todo vapor, GDF e sociedade civil juntos para construírem políticas públicas de bem estar social.

Helio Rosa, planaltinense, 50 anos, casado, pai de três filhos, graduado em ciências naturais e gestão pública. Jornalista e especialista em Administração Pública e Gerência de Cidades. Fez Agenda 21 e Coleta Seletiva. Foi Conselheiro do CONAM-DF e do CBH-Paranaiba. Está como Presidente do Conselho de Desenvolvimento Nacional - CDN. Ministra cursos de empreendedorismo, terceiro setor, trabalho remoto, economias circular, criativa e compartilhada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui