Arruda no tabuleiro e Ibaneis no campo; Agora é aguardar a suspensão no TJDFT

A política de Brasília está somente aguardando Arruda a fazer a próxima jogada

A torcida de Arruda está cada vez maior, principalmente agora que quer voltar às urnas, e tem feito tudo o que pode para assegurar sua elegibilidade.

E, no início desta semana, a sua defesa entrou com ação e a prerrogativa de analisar o pedido de suspensão da condenação do ex-governador é do presidente do TJDFT, o desembargador Cruz Macedo.

Enquanto isso, a torcida de Ibaneis está cada vez mais se esvaziando e o seu isolamento político é cada vez mais notado, só não vê quem não quer.

Não adianta pensar que os 17 deputados distritais da base vão ajudar em alguma coisa, é muito difícil, por que quando começar a campanha eleitoral, será cada um por si, assim como os 22 da base de Agnelo fizeram em 2.014. E o petista não foi nem para o segundo turno.

Ibaneis está no campo, o dono da bola, só que ninguém mais faz seu jogo, e resta agora levar a bola, só que ainda não percebeu que a furaram e está murcha.

Helio Rosa, planaltinense, 50 anos, casado, pai de três filhos, graduado em ciências naturais e gestão pública. Jornalista e especialista em Administração Pública e Gerência de Cidades. Fez Agenda 21 e Coleta Seletiva. Foi Conselheiro do CONAM-DF e do CBH-Paranaiba. Está como Presidente do Conselho de Desenvolvimento Nacional - CDN. Ministra cursos de empreendedorismo, terceiro setor, trabalho remoto, economias circular, criativa e compartilhada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui