Daniel Alves: justiça espanhola concede liberdade por fiança de 1milhão de euros

Lateral-direito brasileiro foi condenado em Barcelona e deve entregar passaportes e manter distância da vítima

A Justiça da Espanha concedeu liberdade provisória a Daniel Alves, jogador brasileiro de futebol, após ser condenado por estupro em Barcelona. A decisão, anunciada recentemente, exige o pagamento de uma fiança de 1 milhão de euros (aproximadamente R$ 5,4 milhões). Além disso, Alves deverá entregar seus passaportes brasileiro e espanhol às autoridades, comparecer semanalmente aos tribunais e manter uma distância mínima de 1 km da vítima.

Em audiência realizada no dia 19 de março, a defesa do lateral-direito havia solicitado sua liberdade provisória, propondo o pagamento de uma fiança de 50 mil euros (cerca de R$ 273 mil). Daniel Alves, que participou da audiência de forma remota, afirmou que “não fugiria” da Espanha durante o processo.

FUXICO


 

A condenação de Daniel Alves ocorreu em fevereiro, resultando em uma sentença de quatro anos e meio de prisão. O Ministério Público recorreu da decisão, pedindo uma condenação de nove anos pelo estupro ocorrido em uma boate de Barcelona em dezembro de 2022.

A defesa da vítima e a Promotoria expressaram preocupação com o risco de fuga e solicitaram que Daniel Alves continuasse cumprindo a pena na prisão.

VARIEDADES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui