Dia Internacional da Dignidade Menstrual

FONTE: Ministério da Saúde

A data tem por objetivo discutir e enfrentar a pobreza menstrual, que afeta diretamente a vida da pessoa que menstrua. Para garantir o direito ao acesso a produtos e condições de higiene adequadas à essa população, o Ministério da Saúde lançou, neste ano, o Programa Dignidade Menstrual com a distribuição gratuita de absorventes pelo Programa Farmácia Popular.

Atualmente, 31 mil estabelecimentos estão credenciados pela Farmácia Popular. Até 24 de maio, 1,7 milhão de pessoas fizeram retiradas de absorventes em 16,8 mil farmácias que atendem ao Programa.

O Programa Dignidade Menstrual contempla cerca de 24 milhões de pessoas entre 10 e 49 anos inscritas no Cadastro Único (CadÚnico), com renda mensal de até R$ 218, ou que seja estudante de baixa renda da rede pública com renda familiar por pessoa de até meio salário mínimo, ou que estejam em situação de rua.

Além do fornecimento de produtos, esta é uma política dedicada à equidade de gênero, justiça social, educação e direitos humanos. As estratégias do Programa incluem a qualificação e formação de agentes públicos, educação da população e oferta gratuita de absorventes higiênicos. A ação também visa enfrentar a desinformação e conscientizar sobre a menstruação como um fenômeno natural que merece acolhimento e cuidado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui