Hospital de Planaltina aumentará atendimentos de imagem após expansão

Ampliação em andamento: Telhado do novo pavimento em construção que resultará em um considerável aumento na capacidade do hospital | Fotos: Tony Winston/Agência Saúde

Com um investimento de mais de R$ 18 milhões, o Hospital de Planaltina está passando por uma ampliação

As ações incluem a compra de novos equipamentos para o centro radiológico e a construção de uma subestação de energia elétrica
Essas melhorias permitirão que a unidade triplique sua capacidade de atendimentos de imagem para diagnóstico e duplique o número de exames de raios X fixos oferecidos.
Atualmente, o centro radiológico conta com quatro salas para radiografias e duas para ecografias, além de espaços preparados para mamografia e tomografia, além de salas de preparo do paciente e de laudos.
No entanto, o pleno funcionamento do centro aguarda a aquisição de novos equipamentos, que já foram solicitados à Secretaria de Saúde.
Segundo a gerente da Assistência Multidisciplinar e Apoio Diagnóstico, Maria do Socorro Aguiar, quando o centro radiológico estiver em plena atividade, ele será capaz de triplicar os atendimentos de imagem de apoio diagnóstico, bem como expandir a realização de exames como mamografia e tomografia.
Atualmente, o hospital realiza exames de imagem de urgência e emergência, e conta com três aparelhos de raios X móveis em uso, beneficiando a população de Planaltina.
Além da ampliação do centro radiológico, o hospital também está passando por outras melhorias. Uma subestação de energia elétrica está sendo construída, com investimento de R$ 1,3 milhão, para modernizar a estrutura existente e fornecer energia em casos de emergência.
A fiação elétrica também será substituída, trazendo benefícios econômicos e melhor qualidade para toda a unidade, de acordo com o diretor administrativo da Região Norte de Saúde, Márcio Pascoal Ribeiro.
Além disso, um novo bloco auxiliar está em construção, com 30 leitos de enfermaria, 13 leitos de internação pediátrica, nove leitos de UTI e nove cadeiras para diálise.
Após a conclusão da obra, o hospital oferecerá outros benefícios, como salas acústicas para fonoaudiologia, áreas para fisioterapia, serviço social, um Centro de Especialidade Odontológica com sete cadeiras odontológicas, e um Centro de Referência de Imunobiológicos Especiais com salas especiais e climatizadas para vacinas.
A obra está em fase de execução de estrutura, vigas, pilares e primeira laje, com conclusão prevista para abril de 2024. Paralelamente, a nova subestação de energia também está em andamento, com previsão de conclusão em breve.
O diretor administrativo ressalta que a subestação atenderá de forma mais eficiente as necessidades do hospital, proporcionando melhorias no fornecimento de energia e, consequentemente, na capacidade de atendimento da unidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui