Adesão a parcelamento especial do Simples é prorrogado para 31 de maio

Prazo de entrega da declaração de microempreendedor também foi adiado

FONTE: AGÊNCIA BRASIL

O atraso na liberação do sistema e a falta de uma fonte de compensação fizeram o governo adiar o prazo de adesão ao parcelamento especial de negócios inscritos no Simples Nacional. A data, que acabaria no fim de abril, passou para 31 de maio.

A decisão foi anunciada hoje (20) pelo Comitê Gestor do Simples Nacional. Esse é o terceiro adiamento. Originalmente, o prazo para aderir ao Programa de Reescalonamento do Pagamento de Débitos no Âmbito do Simples Nacional (Relp) acabaria no fim de janeiro. A data foi transferida para o fim de março e, mais tarde, para 30 de abril.

O Comitê Gestor também adiou, para 31 de maio, o prazo de regularização das dívidas que impedem as micro e pequenas empresas e os microempreendedores individuais a entrarem no Simples Nacional. A entrega da Declaração Anual do Microempreendedor Individual (DASN-Simei), que iria até o fim de maio, foi prorrogada para 30 de junho.

Sistema

Em nota, o Comitê Gestor do Simples informou que o adiamento foi necessário porque o governo ainda não encontrou uma fonte para compensar a perda de arrecadação com o parcelamento especial, como determina a Lei de Responsabilidade Fiscal. Enquanto o problema não é resolvido, a Receita Federal não pode lançar o sistema que permite a adesão dos devedores.

“O adiamento da adesão ao Relp se tornou necessário para adequação do calendário, até que seja definida a sua fonte de compensação, conforme exigência da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). A Receita Federal já está com tudo pronto para dar operacionalidade ao parcelamento”, informou o órgão.

Por meio do Relp, as micro e pequenas empresas e os microempreendedores individuais afetados pela pandemia de covid-19 podem renegociar dívidas em até 15 anos. O parcelamento prevê descontos de até 90% nas multas e nos juros de mora e de até 100% dos encargos legais. Também haverá um desconto na parcela de entrada proporcional à perda de faturamento de março a dezembro de 2020 em relação ao mesmo período de 2019. Quem foi mais afetado pagará menos.

Vetada pelo presidente Jair Bolsonaro no início do ano, a renegociação especial de débitos com o Simples Nacional foi restabelecida pelo Congresso, que derrubou o veto no início de março. Alguns dias depois, o Diário Oficial da União publicou a lei complementar que estabeleceu o Relp.

Veja também:


Com a proximidade do período de férias e da alta temporada em destinos turísticos, brasileiros que desejam dirigir em outros países precisam emitir um documento: a Permissão Internacional para Dirigir…

As usinas solares de maior porte no país ultrapassaram em junho a marca de 14 gigawatts (GW) de potência operacional, informou esta semana a Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica…

É com muito pesar que a Polícia Militar do Distrito Federal comunica o falecimento do 1º SGT Anderson Pires Barbosa, lotado no 11º Batalhão. O policial militar não resistiu a…

Valmiro de Oliveira Gomes tem 39 anos e até pouco tempo estava em situação de rua no Distrito Federal. Mas a vida dele está mudando pouco a pouco. Ele mora…

Uma das regiões administrativas mais novas do Distrito Federal, Água Quente tem se desenvolvido para levar infraestrutura aos mais de 30 mil moradores. Novas calçadas, vias recuperadas e iluminação de…

A partir de 1º de julho, os donos de cartão de crédito poderão transferir o saldo devedor da fatura para uma instituição financeira que oferecer melhores condições de renegociação. É…

As obras do Complexo Viário do Jardim Botânico, na altura do km 27,2 da DF-001, estão em ritmo acelerado. Por trás dos tapumes, colocados para garantir a segurança da população…

Chegou a época das festas juninas e, junto com elas, a oportunidade de explorar o melhor da safra de alimentos frescos e nutritivos do Distrito Federal. No mais conhecido centro…

Policiais militares do Batalhão de Policiamento de Trânsito prenderam um homem com mandado de prisão em aberto na noite deste sábado (22), na EPTG. A PMDF recebeu a informação de…

O Programa Compete Brasília segue gerando resultados expressivos no esporte brasiliense e, ao mesmo tempo, ocupando um lugar privilegiado na trajetória esportiva dos atletas da nossa cidade. O programa, desenvolvido…

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui