Corpo de influencer de Águas Claras não tinha marcas de violência

Polícia Civil aguarda laudos para determinar causa da morte de Rhayara Morais

A influencer digital fitness Rhayara Morais, de 34 anos, foi encontrada morta em seu apartamento no Residencial Moove, localizado em Águas Claras. Após a realização de uma perícia inicial, não foram identificadas marcas aparentes de violência em seu corpo, nem sinais de luta corporal ou indícios de crime no local.

Os laudos produzidos pelos institutos de Criminalística (IC) e de Medicina Legal (IML), da Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF), serão fundamentais para esclarecer as circunstâncias da morte de Rhayara. Como o corpo estava sem vida há pelo menos cinco dias, exames mais detalhados serão necessários para determinar a causa do óbito.

Rhayara Morais, além de influencer fitness, era campeã brasiliense de powerlifting e compartilhava sua rotina de treinos, competições e ensaios fotográficos profissionais em suas redes sociais. Nas imagens divulgadas, ela demonstrava sua paixão pelo mundo fitness e sua dedicação aos esportes.

A ausência de indícios de violência física no corpo e no apartamento levanta questões sobre as possíveis causas da morte, que serão esclarecidas após a análise dos laudos periciais. A Polícia Civil, por meio da 21ª Delegacia de Polícia (Taguatinga Sul), aguarda esses resultados para avançar nas investigações sobre o caso.

A morte de Rhayara Morais chocou amigos, seguidores e admiradores de seu trabalho nas redes sociais. Sua atuação como influencer fitness e sua participação em competições esportivas deixam um legado no mundo do esporte e do bem-estar, enquanto as circunstâncias de seu falecimento ainda são objeto de investigação pelas autoridades competentes.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui