Macron Dissolve Parlamento e Antecipa Eleições na França

Presidente francês reage à derrota nas eleições europeias e convoca novas eleições parlamentares.

O presidente da França, Emmanuel Macron, anunciou a dissolução da Assembleia Nacional e a convocação de eleições antecipadas após a derrota de seu partido nas eleições para o Parlamento Europeu neste domingo (9). As novas eleições estão marcadas para os dias 30 de junho e 7 de julho.

Em um discurso televisionado do Palácio do Eliseu, Macron afirmou: “Eu não poderia continuar, no final deste dia, olhando para o outro lado. Somada a essa situação está a febre que infectou o debate público e parlamentar em nosso país”. O presidente enfatizou a necessidade de devolver a palavra ao povo francês através do voto, após consultas prévias baseadas no artigo 12 da Constituição.

Resultado das Eleições Europeias

Nas eleições europeias, o partido de Macron obteve apenas 15% dos votos, enquanto o Reagrupamento Nacional, de Marine Le Pen, alcançou cerca de 30%, conforme pesquisas de boca de urna. Jordan Bardella, líder da lista do Reagrupamento Nacional, já havia solicitado novas eleições para a Assembleia Nacional em seu primeiro discurso após a divulgação dos resultados.

As novas eleições ocorrerão apenas dois anos após as de junho de 2022, quando o partido Renascimento, de Macron, perdeu a maioria absoluta que possuía desde a legislatura de 2017 a 2022. Essa perda de maioria criou dificuldades para o governo ao tentar aprovar reformas, como a controversa reforma previdenciária, que foi aprovada no ano passado sem votação na Assembleia Nacional.

A decisão de Macron reflete a pressão política e a necessidade de estabilizar o governo diante da crescente oposição. As próximas eleições serão cruciais para determinar a capacidade do presidente de implementar suas políticas e manter o controle parlamentar.

O cenário político francês entra em uma nova fase com a convocação das eleições antecipadas. Observadores aguardam para ver como os eleitores responderão à chamada de Macron e como isso afetará a configuração do poder legislativo na França.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui