Temer sugere aprovação logo de semipresidencialismo e referendo

Para o ex-presidente, o tema aprovado pelo Congresso seria referendado pelos cidadãos

Michel Temer (MDB) novamente defendeu uma reforma que reestruturasse o sistema político do Brasil. Em sua concepção, o Congresso Nacional poderia criar um projeto e aprová-lo até março de 2022, portanto, antes das eleições.
“No Brasil, há muito tempo se fala em fazer uma grande reforma política, mas jamais se conseguiu levar adiante”, disse o ex-presidente.
Temer apoia o semipresidencialismo, regime no qual o presidente divide o seu poder com o legislativo. Nesse regime, o presidente monta seu governo somente após formar maioria no Congresso.

De Helio Rosa para o BsB Times

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui