CPI do Arroz já conta com 100 assinaturas

Empresas de queijo e locadora de veículos venceram leilão bilionário do governo Lula para compra de arroz

O deputado federal Zucco (Republicanos-RS) iniciou a coleta de assinaturas para a instauração de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) com o objetivo de investigar o leilão do governo Lula destinado à compra de arroz. Entre as vencedoras do leilão estão uma loja de queijo de Macapá (AP) e uma locadora de veículos de Brasília (DF).

Contexto e Justificativas

Zucco já conseguiu cerca de 100 assinaturas, aproximando-se das 171 necessárias para a abertura da CPI na Câmara dos Deputados. O deputado alega haver “indícios de possível fraude” no leilão e “indícios de uso de empresas de fachada na disputa”. Em nota, Zucco afirmou:

  • “Uma semana antes da realização do leilão, a empresa possuía um capital social de apenas R$ 80 mil, totalmente incompatível com a garantia necessária para entrar na disputa. Na véspera, esse capital é convenientemente alterado para R$ 5 milhões.”

Respostas das Empresas

Wisley A. de Sousa Ltda. (loja de queijos):

  • Afirmou que grupos com interesses contrariados estão tentando afetar sua imagem e deturpar a realidade.
  • Defendeu que a importação é essencial para assegurar o abastecimento de arroz e evitar um aumento de até 40% no preço para os consumidores.

ASR Locação de Veículos e Máquinas Ltda. (locadora de veículos):

  • Declarou que pequenas empresas venceram o leilão devido ao boicote do agronegócio.
  • Afirmou: “A crítica é porque somos pequenos, então por que as grandes não entraram? Ora, porque o agronegócio está contra isso, eles boicotaram, não entraram no leilão e pensaram que ele não seria realizado, mas foi.”

Repercussão e Próximos Passos

O processo de coleta de assinaturas e a possível instauração da CPI devem intensificar o escrutínio sobre os procedimentos de leilão do governo federal e as práticas das empresas vencedoras. A investigação pretende esclarecer as alegações de fraude e verificar a legitimidade das empresas participantes.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui